Correções de Erro

Como corrigir o erro 500 Internal Server Error no WordPress

Erro interno do servidor é um dos erros mais comuns do WordPress. Uma vez que o erro não dá nenhuma outra informação, muitos usuários podem se frustrar com esse erro.

Como existem diversos servidores Web e sistemas operacionais, o erro interno do servidor 500 pode ser exibido pelo seu navegador através de diversas formas. Por exemplo:

  • Simplesmente uma tela em branco
  • “500 Internal Server Error”
  • “The website cannot display the page – HTTP 500.”
  • “HTTP 500 – Internal Server Error”
  • “500 Error”
  • “500 – Internal Server Error”
  • “HTTP 500”
  • “Is currently unable to handle this request. HTTP ERROR 500.”
  • “Internal Server Error”
  • “500 Internal Server Error. Sorry something went wrong.”
  • “500. That’s an error. There was an error. Please try again later. That’s all we know.”

Neste artigo, vamos te mostrar como corrigir erro interno do servidor no WordPress.

O que causa o erro 500 no WordPress?

Erro interno do servidor não é específico para WordPress e sim para qualquer aplicação Web. E também pode acontecer com qualquer sistema rodando em um servidor web. O erro 500 apenas quer dizer que há um erro acontecendo no lado do servidor.

No entanto, um erro interno no servidor pode ser causado por alguns fatores, desde um plugin com um mal funcionamento até uma função específica dentro de um tema. Também pode ser causado pelo arquivo .arquivo htaccess ou uso excessivo de memória no servidor.

Conhecendo as principais causas, vamos conhecer a solução do problema.

Como acessar os arquivos do WordPress para corrigir erro

Na resolução dos erros abaixo, nós vamos precisar acessar os arquivos do servidor de aplicação. Por isso, se já tiver experiência com um cliente FTP para acessar os diretórios de seu site, você pode ignorar esta parte.

Um cliente FTP te dá a capacidade de explorar os arquivos do seu site. Como alternativa, você pode também usar o Gerenciador de arquivos que o seu serviço de hospedagem te oferece.

No entanto, indicamos que você utilize um cliente FTP para acessar seu servidor.

Verifique se o arquivo .htacess está corrompido

O primeiro passo é verificar se o arquivo .htaccess está corrompido.

Você pode renomear o arquivo .htaccess para outro nome temporário, como .htacess_old ou fazer uma cópia em sua máquina e remove-lo do servidor. Você pode fazer isso através do seu cliente FTP ou Gerenciador de Arquivos do cPanel.

Para isso, acesse o diretório raiz do WordPress. O arquivo .htaccess será localizado no mesmo diretório raiz do WordPress, onde você verá pastas como wp-content, wp-admin e wp-includes. Ao encontrar o arquivo, renomeie o arquivo para “.htacess_old”.

Como editar o .htaccess

Uma vez que você tenha renomeado o .arquivo htaccess, verifique se o seu site voltou a funcionar.

Se ainda não, tente logar no seu módulo administrador (wp-admin) e acesse a configuração “Links Permanentes”. Apenas modifique a configuração de links e salve novamente. Isso irá forçar o WordPress a criar um novo .htacess.

Se isso não resolveu seu problema, vá para o próximo passo.

Aumente o limite de memória PHP

Às vezes erro interno do servidor pode acontecer se você estiver esgotando o seu limite de memória no seu servidor.

Se você está vendo o erro interno do servidor apenas quando você tentar login para o seu administrador WordPress ou upload de uma imagem, então provavelmente o problema é no limite de memória. Para resolver, siga os seguintes passos:

  1. Criar um ficheiro de texto em branco chamado php.ini
  2. Adicione o código: memory=64MB
  3. Salve o Arquivo
  4. Envie-o para a sua pasta /wp-admin/ usando FTP ou o Gerenciador de Arquivos no cPanel.

Se o aumento do limite de memória corrigiu o problema para você, você ainda precisa encontrar o porque seu site está consumindo tanta memória.

Quando uma aplicação consome muitos recursos, o problema pode ser relacionado a algum plugin ou ao tema que você está usando. Você pode consultar seu serviço de hospedagem para verificar os logs do servidor para ajudá-lo a encontrar o diagnóstico exato.

Se isso não resolveu, vá para o próximo passo.

Verifique as permissões de arquivo

Não é comum que este seja a causa do problema, mas é importante verificar se há erro nas permissões de escrita e leitura. Em seu diretório WordPress, as permissões para pastas e arquivos devem ser 755 ou 644. Se você não tiver o conhecimento certo, alterar as configurações pode causar erros internos no servidor.

Por isso, abra o seu diretório raiz num cliente FTP.

Muitos clientes, incluindo o FileZilla, têm uma página de permissões que pode usar para verificar rapidamente as permissões de cada diretório e pasta na sua pasta de raiz. Certifique-se de que estes não estão configurados para nada além de 755 ou 644.

Desative todos os plugins

Se nenhuma das soluções acima funcionou para você, pode ser algum erro em algum plugin que foi instalado em seu site. Por isso, você tem que desativar todos os plugins WordPress de uma vez.

Desative o plugin pelo painel administrativo

Basta ir para a área de administração do WordPress e clicar em ‘Plugins’. Agora você precisa reativar um plugin de cada vez até que você encontre o que causou o problema. Livre-se desse plugin, e relate o erro para o autor do plugin.

Desative plugins pela pasta do WordPress

Se o seu administrador não está funcionando, você precisa desativar plugins pelo diretório do WordPress. Por isso, acesse seu site pelo FTP. Vá na pasta WP-CONTENT, logo após, Plugins.

Altere todas as pastas desse diretório. Você pode colocar um “_” no final do nome da pasta. Assim o WordPress não irá reconhecer como o plugin instalado.

Entre em contato com o seu serviço de hospedagem

Se você passou por todos esses passos e ainda não conseguiu encontrar uma solução, o seu serviço de hospedagem talvez possa te dar uma luz.

A qualidade do suporte que você recebe difere entre empresas de hospedagem, muitos serviços podem apenas culpar os arquivos do WordPress ou ou plugins que você está utilizando.

Então, verifique os passos acima antes de contata-los.

 

Conclusão

O erro do servidor interno 500 pode ser realmente frustrante, pois nem sempre tem uma causa clara ou uma solução clara. Por isso, neste artigo, eu coloquei as principais causas e também a solução para cada uma delas.

Como nós falamos no treinamento Wp Samurai, é importante fazer backup de seu site com frequência e também atualizar seus plugins e temas.

Por último, certifique-se também de verificar se o serviço de hospedagem contratado ainda é suficiente para seu site. Este erro é mais provável de ocorrer em um servidor de hospedagem compartilhado de pequeno orçamento, por isso é importante para você começar a pesquisar outras opções para que você possa mover o seu site para um servidor capaz de lidar com o seu site em crescimento.

Sobre o autor

Rodrigo Macedo

Rodrigo Macedo é empreendedor, trabalha desenvolvendo sites há mais de 10 anos. Trabalhou como analista e desenvolvedor de software em diversas empresas.

É o instrutor do treinamento WP Samurai e proprietário/fundador da Wisebits.

Deixe um comentário